Testemunhos e Provações - Joanna de Ângelis

Jefferson Severino - 07/10/2019 SC 01571 JP

Testemunhos e Provações
Joanna de Ângelis

 
 
Não recalcitres ao aguilhão das dores, no desiderato de enobrecimento a que te dedicas.
 
Os que não sofrem os aguerridos combates, dormem na inutilidade.
 
A tarefa que desempenhas, por mais insignificante que pareça, porque enobrecida e cristã, incomoda aos frívolos e aos atormentados, provocando ira nuns e invejas noutros.
 
Contenta-te com o prazer de desincumbir-te do dever que te cumpre atender.
 
É certo que conduzes imperfeições e que outros são melhores dotados do que tu. Todavia, enquanto estes não resolvem pela ação do bem, nas tarefas pequenas, realiza-as tu.
 
* * *
 
Se coxeias e andas, assim é melhor do que se fosse portador de membros perfeitos, que se paralisassem pela crítica ácida ou na ociosidade.
 
Se te taxam de louco e tua conduta é correta, bendize mais do que se foras douto e lúcido, mergulhando a mente nos vapores da "hora vazia".
 
Se a mensagem cristã te fascina e produzes nas leiras da solidariedade humana, és mais feliz do que se te encontrasses com a mente cultivada, investigando ainda a imortalidade, que, afinal, já aceitas com ardor e confiança..
 
Se defrontas antipatias, porque te encontras em ação, vives alegrias maiores, do que se estivesses requestado e considerado, no trono do orgulho vão, vencido pela transitoriedade dos que se adoram reciprocamente.
 
Se deparas inimizades, enquanto amas, isto te é mais favorável do que amado, conquanto odiando...
 
Jamais te escuses ao compromisso que assumiste para com a Vida.
 
* * *
 
Testemunhos e provações!
 
Não há quem, produzindo no bem, não suscite desagrado ostensivo e chocante animosidade.
 
Honra o trabalho que te vitaliza e não cedas campo à perseguição acintosa ou dissimulada.
 
* * *
 
Jesus, cuja vida entre nós foi o mais sublime poema vivo de amor, não se reservou ser exceção. Amou e sofreu, auxiliou e sofreu, perdoou e sofreu...
 
Jamais, porém, desistiu ou desanimou, por isso mesmo demonstrando a excelência da sua origem e a qualidade das suas conquistas, "Modelo e Guia", até hoje, para todos nós.
 
Joanna de ângelis
Livro: Alerta
Psicografia de Divaldo P. Franco
 
 
 
 
 




« Leia outros artigos