ELEVAÇÃO - Emmanuel

Jefferson Severino - 12/02/2018 SC 01571 JP

ELEVAÇÃO
Emmanuel

 
Meus amigos...
 
É preciso lembrar que a Providência Divina nos oferece degraus de ascensão em todas as circunstâncias da existência.
 
Devemos, todavia, sustentar a disposição de subir a fim de encontrá-los.
 
Tudo nos domínios do Universo é sagrada elevação.
 
Desentranha-se o verme, fugindo às trevas do subsolo, para buscar na superfície da Terra o beijo fecundante da luz.
 
Desenfaixa-se o princípio germinativo da semente, despojando-se dos pesados envoltórios que o enleiam, para enriquecer a espiga farta, ante a música do vento, ao esplendor festivo do sol.
 
Não vos detenhais na indiferença ou na expectação.
 
Escalai pacificamente a senda preparatória do imenso futuro!
 
Não percais o sublime presente com os fantasmas da noite, a se expressarem nas palavras vazias ou nos pensamentos inúteis.
 
Todos somos chamados à exaltação do eterno dia!...
 
Amai, aprendei, servi, crede e esperai!...
 
Cultivemos, sobretudo, a alegria e a bondade, para que a paz laboriosa, em nossa estrada, se exprima em trabalho frutífero e incessante.
 
Acordai, cada manhã, procurando os degraus do aperfeiçoamento que nos impelem à harmonia e à vitória!...
 
Ei-los que surgem, conduzindo-nos à grande superação...
 
É a dificuldade gerando experiência, a dor argamassando alegria, o mal desafiando-nos ao bem e o ódio reclamando-nos amor.
 
Ouçamos o apelo silencioso das horas e dirijamo-nos para o mais alto, porque a vida é o carro triunfante do progresso, avançando sobre as rodas do tempo, e quando não nos firmamos, no lugar que nos cabe dentro dele, arremessamo-nos à sombra da retaguarda ou somos lamentavelmente acidentados por sua marcha incoercível.
 
Que o Senhor nos abençoe...
 
Emmanuel
Psicografia de Francisco Cândido Xavier
Do livro: Instruções Psicofônicas 
 




« Leia outros artigos